Campo Alegre

Hum… desejo um proveitoso domingo para mim e para você.
Precisei dar uma pausa breve pra postar por aqui alguns de meus ai ais… Acordei sedenta e com uma sensação agradável de bem-estar, mas fui dedicar-me literalmente ao dever de casa.
Voltei prejudicada da viagem que fiz à São Paulo. Como ainda estou frágil…. A cirurgia debilitou o corpo, mas agora não mais a minha vontade.
Envolvida com os textos jurídicos, sabiamente coloquei diretamente no ouvido direito uma série de belas canções. Faz uma enorme diferença o alimento que levamos diretamente pelas veias à nossa alma. Agora estou floreando meu jardim com a delicadeza de Geraldinho Azevedo.
Beijos
Luinha
 

Campo Alegre
Geraldo Azevedo
Composição: Geraldo Amaral
Estrelas explodem em seu rosto
Anoitecer
E a noite se confunde
E o entardecer vem
Natureza canta como ninguém
Só quem vê sou eu e você

Quando claro depois tudo se fizer luar
E o cheiro dessa mata lua branca
Noite se confirma
E o entardecer foi com o luar
No meio de um campo alegre

É você quem ouve
Eu a cantar
Eu e você
Luar mata
Lua branca

 
 
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s