Dia da casa

Hoje foi um dia atípico, o anjinho que cuida de nós às sextas-feiras ficou dodói e faltou. Dei uma ajeitada aqui e ali na casa. Em vinte minutos peguei o jornal, limpei a cozinha, tirei a roupa da corda, coloquei muitas na máquina de lavar, limpei o banheiro, lavei louça, temperei carnes para o final de semana, coloquei água nas plantinhas, dei um toque charmoso às muitas almofadas, destorci a rede, arrumei o lixo, lavei as lixeiras, aqui em meu bairro há coleta seletiva. Uma beleza começarmos a prestar mais atenção nisso. A quantidade de lixo que produzimos é um escândalo para o planeta. Deixei os sapatos e a dobração de roupa limpa para a filha, que dorme como um querubim. Acendi um incenso delicioso de jasmim.

Nem pense que esqueci de perceber o dia que começava, só não bailei, mas ainda há tempo. Acordei e fiquei ouvindo a chuva suave, nesse dia úmido e abafado. À noite houve fortes ventos e o céu azul se foi. O clima está reagindo com enorme violência à falta de zelo da gente. Os passarinhos cantam e brincam felizes a despeito de toda confusão. É a vida… é bonita e é bonita.

Love

Luinha 

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Dia da casa

  1. manolo disse:

    SALVE…COMPLIMENTI, BEL BLOG….E BELLA CANZONE…D\’AVVERO….CIAOCIAO…SALUTI DA ROMA…:-)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s